Blog

Espaço para você acessar nossas novidades e notícias relevantes para o setor

Norma de Desempenho: serviços integrados agilizam o processo

Norma de Desempenho: serviços integrados agilizam o processo

27/08/2019

Concentrar a consultoria para o atendimento dos itens de conforto ambiental da NBR 15575 em uma única empresa reduz custos, melhora a tomada de decisões e evita cabo de guerra entre prestadores de serviço

 

Por Luiz Henrique Ferreira

Ao longo desses seis anos de norma de desempenho, percebemos que a nossa metodologia de trabalho para desempenho térmico e lumínico foi muito bem aceita pelo mercado. Que metodologia é essa? Manter sempre o foco em resolver os problemas do cliente, e não simplesmente entregar um relatório apontando problemas e se eximindo de responsabilidades.

 ‘Combo’ à moda Inovatech

No início deste ano, começamos a oferecer serviços integrados de consultoria em Norma de Desempenho, nosso “combo” de desempenho térmico + lumínico + acústico. Para nós, foi uma surpresa muito boa, porque os clientes logo começaram a perceber as vantagens dessa integração.

O encadeamento das decisões era totalmente diferente do que eles imaginavam, porque quando se tem uma consultoria dando apoio centralizado a essas três disciplinas (totalmente relacionadas), fica tudo muito mais fácil e muito mais rápido.

Ainda nos estudos iniciais, quando o empreendedor está avaliando a viabilidade do projeto, nós já conseguimos dar uma boa referência em relação ao desempenho acústico, mas já pensando também em conforto térmico e lumínico. Um exemplo disso são as janelas e esquadrias. Elas têm a ver com acústica, com a classe de ruído, mas também com desempenho térmico e lumínico. Por isso, quando o gerenciamento é feito pela mesma equipe, todo o processo fica muito mais ágil.

Laudos X Comunicação de diferenciais

Aqui, quando um cliente liga e fala que quer um laudo de norma de desempenho dá até um arrepio. Isso mostra que ele está totalmente desconectado do que existe de mais moderno em consultoria destinada à norma.

Consultoria de verdade não emite laudos. Quem faz isso é laboratório, que vai dizer o que está certo e o que está errado, o que tá em conformidade ou não com a norma. Uma empresa de consultoria deve apontar caminhos, apontar soluções e compartilhar riscos com o cliente.

Integração com benefícios reais ao cliente

Nesse sentido, esses serviços integrados das três disciplinas faz os clientes se sentirem muito mais confortáveis. Além disso, a riqueza de detalhes na hora de tomada de decisão é muito maior.

Isso acontece porque não transferimos para o cliente a responsabilidade de fazer uma análise crítica do impacto que uma solução de desempenho térmico, por exemplo, pode ter na questão de acústica. A gente não fica naquele cabo de guerra de dizer que “o pessoal da acústica falou que é para preencher o bloco com areia” ou “revisa aí o seu relatório de térmica”. Em geral, isso só cria mais idas e vindas no processo e desgasta todo mundo.

Evidentemente, quando o serviço está integrado, nós temos condições de levar para o cliente uma matriz de decisão que o permite priorizar, de forma mais natural, a melhor equação entre desempenho e custo – e isso já sai daqui de dentro.

Resumindo, nossa experiência nos mostra claramente que os clientes sofrem muito quando têm empresas contratadas para trabalhar as disciplinas separadamente. Não temos dúvidas de que a integração entre elas rende ao cliente um melhor poder de tomada de decisão, aliado a menos custos e mais rapidez no projeto. E isso não é pouca coisa, certo?

 

* Luiz Henrique Ferreira é CEO e fundador da Inovatech Engenharia.